Lift Roubo nas alturas. Ator com deficiência nos representa.

Man climbs CN Tower steps in wheelchair

Escrito por Ricardo Shimosakai

20 de março de 2024

Lift Roubo nas Alturas é um thriller cinematográfico que redefine os limites do gênero heist com uma reviravolta emocionante e inovadora. Este filme não é apenas uma montanha-russa de adrenalina e suspense, mas também um marco na inclusão e representatividade no cinema. Não praticam o chamado “CripFace”, que se refere-se à prática de utilizar atores ou atrizes sem deficiência para representar pessoas com deficiência em produções audiovisuais. Eu falo mais a respeito desse polêmico assunto no artigo do filme “Chama a Bebel”, vale a pena ler. Esse assunto está incluso em meu Curso Online Acessibilidade e Inclusão.

Lift Roubo nas Alturas é um filme norte-americano de ação e comédia policial dirigido por F. Gary Gray (A Negociação, Até as Últimas Consequências) para a Netflix. A produção segue um grupo de criminosos internacionais liderado por Cyrus (Kevin Hart) e contratados por sua ex-namorada, Abby (Gugu Mbatha-Raw), uma agente federal, para que cumpram uma missão ambiciosa: roubar meio bilhão de dólares em barras de ouro que estão sendo transportadas para uma célula terrorista. Para deixar tudo ainda mais insano, a carga está sendo transportada em um Boeing 777 que parte de Londres rumo a Zurique, e eles devem roubá-la em pleno vôo.

Aproveitando um pouco que o filme Lift Roubo nas Alturas se passa entre aeroportos e companhias aéreas, ainda vejo falhas relacionadas à inclusão da pessoa com deficiência como passageiro. Já viajei por vários países e tive experiências melhores, mesmo voando pela mesma companhia aérea, o atendimento era melhor no exterior. Sem contar a estrutura e atendimento dos aeroportos, e infelizmente já procurei aeroportos e companhias aéreas para prestar uma consultoria em acessibilidade e não tive aceite de nenhuma delas. Incrivelmente, por exemplo, preferem pagar as cadeiras de rodas danificadas em transporte aéreo ao invés de adequar seu sistema operacional para evitar esse tipo de inconveniente, uma ocorrência muito comum, por sinal.

Lift Roubo nas alturas a favor da inclusão

David Proud é um ator com deficiência e interpreta o controlador de voo Harry em Lift Roubo nas Alturas. Proud nasceu com espinha bífida, diagnosticada quando ele tinha cinco anos. Ele conseguia andar com o uso de talas plásticas nas pernas e participar na maioria das atividades, além de frequentar uma escola primária regular. Durante o ensino secundário, ele exigiu o uso de cadeira de rodas, mas recusou a transferência para uma escola especial. Entender as necessidades, capacidades e preferências da pessoa com deficiência é muito importante para conseguir aplicar a inclusão, é um assunto que sempre ensino em meus treinamentos.

Ele escreveu para a Inclusão Agora, a revista da Aliança para a Educação Inclusiva , descrevendo a sua atitude em relação à sua deficiência: “Ouvir que não posso fazer algo parece tornar-me cada vez mais determinado”. Embora ele tenha descrito papéis que exigem atores com deficiência como seu “nicho”, Proud expressou esperança de que, à medida que os atores com deficiência entrarem no mercado, eles receberão papéis onde “a cadeira de rodas não é relevante para o personagem”, e que eles poderão competir por funções “regulares”. Assim como eu, David Proud também dá palestras para conscientizar as pessoas sobre a inclusão da pessoa com deficiência.

A inclusão, contudo, não se limita à escolha do elenco. Ela se estende à maneira como as histórias são contadas, aos temas abordados e à forma como personagens com deficiência são retratados. Em “Lift Roubo nas Alturas”, a abordagem do personagem com deficiência é feita de maneira a destacar sua capacidade, inteligência e contribuição para o desenrolar da trama, ao invés de focar em sua limitação física. Tal abordagem é fundamental para promover uma imagem positiva e empoderada de pessoas com deficiência, combatendo estigmas e promovendo a inclusão.

Eu tenho vários amigos e amigas com diferentes tipos de deficiência que já participaram de materiais promocionais como propagandas em televisão, peças de teatro e até filmes e novelas. Sempre publico esse tipo de material em meu perfil do Instagram, e quando é um material em vídeo, também no meu canal do YouTube, além de vários deles, aproveito para escrever um artigo em meu blog com críticas e opiniões.

 

Compartilhe acessibilidade

Ajude outras pessoas a se manterem atualizadas com nosso conteúdo voltado para a acessibilidade

Curso Online
Comprar Acervo Digital
Esta mensagem de erro é visível apenas para administradores do WordPress
Houve um problema com seu feed do Instagram.

Você pode gostar……

Seus comentários são bem-vindos!

0 comentários

Enviar um comentário

" });